snowstorm

domingo, 13 de setembro de 2015

APRENDA A CONTROLAR A RAIVA.

http://3.bp.blogspot.com/-fr1i9kVOi5A/UxDgR7LVaqI/AAAAAAAAC3o/HLM2MxqEwGw/s1600/Tigre+de+bengala+-+William+Huggins.jpg
 
Todo mundo fica nervoso de vez em quando, mas caso você experimente surtos de raiva extremos, isso pode estar prejudicando sua saúde mental e física, além de seus relacionamentos. A raiva descontrolada pode indicar diversos problemas mais graves, como a falta de controle de temperamento ou distúrbios mentais. É importante controlar suas emoções e se acalmar, para seu bem e para o bem daqueles ao seu redor.

1

Faça uma pausa assim que reconhecer estar nervoso. Pare o que está fazendo, saia da situação que o está irritando ou apenas respire fundo. Afastar-se do que o incomoda fará com que seja infinitamente mais fácil se acalmar.
    Lembre-se de que não é necessário responder à situação imediatamente. Você pode contar até 10 ou dizer "Vou pensar no assunto e respondo mais tarde" para ter tempo para esfriar a cabeça, se necessário.
    Caso o problema seja no serviço, saia do ambiente para espairecer por um tempo. Caso esteja no caminho para o trabalho, considere ficar um tempo no carro sozinho.
    Caso o problema seja em casa, vá para um espaço onde você ficará sozinho (como o banheiro) ou saia para caminhar com alguém que possa ajudá-lo.

2
Permita-se ficar com raiva. É perfeitamente normal sentir raiva. Dar a si mesmo um pouco de tempo e espaço para sentir raiva pode ajudá-lo a aceitá-la e seguir em frente. Assim que seguir adiante, você conseguirá se livrar da sensação de raiva e deixará de pensar no motivo pelo qual ficou nervoso.
    Pense em localizar a raiva em uma parte do seu corpo enquanto estiver lidando com ela. Você sente raiva no seu estômago? Nos seus punhos cerrados. Encontre sua raiva, deixe-a agir e livre-se dela.

3
Respire fundo. Caso seu coração comece a se acelerar com a raiva, controle-o com a respiração. A respiração profunda é um dos passos mais importantes da meditação e ela pode ajudá-lo a controlar suas emoções.[3] Mesmo se você não "meditar" completamente, utilizar essas técnicas de respiração pode oferecer benefícios semelhantes.
    Conte até três ao inalar, prenda o ar nos pulmões por três segundos ou mais e conte até três novamente ao expirar. Foque-se apenas nos números ao fazer isso.
    Encha os pulmões com cada respiração, fazendo com que o tronco se expanda. Expire completamente todas as vezes e faça uma pausa até a próxima respiração.
    Continue respirando profundamente até sentir que recuperou o controle.

4
Visualize um "lugar feliz". Caso esteja com dificuldades para se acalmar, imagine-se em um cenário relaxante. Pode ser sua casa de infância, uma floresta quieta, uma ilha deserta – qualquer lugar que o deixe confortável e em paz. Foque-se em imaginar todos os detalhes do lugar: a iluminação, os ruídos, a temperatura, o clima, os odores. Continue pensando no lugar até ficar completamente imerso nele por alguns minutos ou até se acalmar.

5
Fale consigo mesmo de modo positivo. Mudar o modo com o qual você pensa sobre algo de negativo para positivo (algo conhecido como "reestruturação cognitiva") pode ajudá-lo a lidar com a raiva de modo saudável. Após se acalmar por um momento, "discuta" a situação consigo mesmo, utilizando termos positivos.
    Por exemplo, caso você fique nervoso no trânsito, ao invés de dizer "Esse idiota quase me matou! Se pudesse, eu matava ele!", diga "Esse cara quase bateu em mim, mas talvez ele estava em uma emergência e nunca mais o verei na vida. Que sorte que estou vivo e meu carro inteiro. Agora eu posso manter a calma e me focar na estrada."

6
Peça o apoio de alguém de confiança. Compartilhar suas preocupações com um amigo próximo pode ajudá-lo a ventilar a raiva. Expresse claramente o que quer da outra pessoa. Caso queira apenas desabafar, diga desde o início que não deseja conselhos, apenas simpatia. Caso esteja procurando uma solução, informe a outra pessoa.
    Defina um tempo limite para ventilar o que o está irritando e atenha-se a ele – quando o tempo acabar, o surto deve acabar também. Isso o ajudará a seguir em frente e não remoer a situação infinitamente.

7
Tente encontrar um pouco de humor no que o irritou. Após se acalmar e superar o incidente, tente enxergar o lado positivo das coisas. Lembrar-se do incidente de modo bem humorado pode mudar a resposta química de seu corpo de raiva para humor.
    Por exemplo, caso alguém o ultrapasse no trânsito, você pode pensar em como a pessoa deve chegar no destino dela 15 segundos mais rápido por não acompanhar sua velocidade. Ria um pouco das prioridades da pessoa e siga com sua vida.

fonte: wikihow